Dicas para Evitar Problemas com sua Empresa de Hospedagem

acelerar wordpress

Se você utiliza o WordPress deve aprender como deixar seu blog mais leve para ser carregado no navegador dos visitantes, pois isso o ajudará a melhorar o desempenho nos buscadores, além de evitar muitos problemas com sua empresa de hospedagem e assim economizar dinheiro.

Como acontece a sobrecarga no servidor

O problema é que todo o conteúdo do blog é gerado dinamicamente, de acordo com as informações solicitadas em cada página. Cada parte da página requer que o servidor consulte o banco de dados para encontrar o trecho do texto ou código necessário para montar a página toda.

Em uma única página pode haver dezenas ou até centenas de requisições. Sempre que uma página é solicitada em um blog WordPress (ou qualquer outro sistema CMS), o sistema acessa o banco de dados para montar as diversas partes do blog, como a área do conteúdo, menu de navegação superior e lateral, rodapé, comentários, entre outros.

Se houverem muitas requisições simultâneas (em um horário de pico por exemplo), o servidor pode travar, pois não dará conta de processar todas as requisições.

Além disso, também podemos ter o problema de plugins e outros scripts mal programados ou mesmo incompatíveis, que sobrecarregam o servidor desnecessariamente. Um bom exemplo disso são os plugins de estatísticas que guardam diversos tipos de informações sobre cada visitante que acessa o blog.

Porque isso é um problema

O problema é que o servidor tem um limite de processamento que ao ser atingido pode deixar todos os sites armazenados dentro dele mais lentos ou mesmo inacessíveis por um tempo.

Se estiver utilizando uma hospedagem compartilhada como acontece com a maioria das pessoas, sua empresa de hospedagem poderá suspender sua conta e ir atrás de você solicitando que faça alguma coisa para diminuir o consumo de processamento ou então que faça um upgrade uma para um plano mais robusto ou mesmo para um servidor VPS ou dedicado.

No entanto, na maioria dos casos este tipo de problema pode ser solucionado com simples ações, que deixará seu blog mais leve e rápido para ser carregado.

Como amenizar o problema de sobrecarga no servidor

Existem algumas coisa que você pode fazer em seu blog WordPress para deixar seu blog mais leve e assim evitar futuros problemas com sua empresa de hospedagem.

acelerar blog

Utilize um plugin de cache

Um plugin de cache é um dos maiores responsáveis em aliviar a carga no servidor. O que ele faz é criar páginas estáticas das páginas mais solicitadas do blog (é como se fossem fotos das páginas), que são carregadas de uma só vez, sem a necessidade de acessar o banco de dados.

Um dos plugins que eu recomendo é o WP Super Cache.

Apenas plugins necessários

Quanto mais plugins tiver instalado em seu blog, mais processamento seu blog exigirá para fazer com que todos eles trabalhem. Portanto é essencial que apenas deixe instalado em seu blog os plugins essenciais e nunca utilize plugins de estatísticas pois eles são grandes vilões dos servidores. Prefira o Google Analytics que é grátis.

Otimize o Banco de dados

Com o tempo o WordPress pode acumular muita sujeira que pode ser eliminada e assim facilitar o trabalho do servidor na hora de encontrar informações no banco de dados.

Uma forma de fazer isso é apagando comentários spam e eliminando as revisões de posts.

Compartilhe apenas o necessário

Algumas empresas de hospedagens oferecem espaço em disco ilimitado, no entanto não é uma boa ideia sair armazenando vídeos e programas pesados para serem compartilhados diretamente de seu servidor.

O problema é que enquanto os arquivos estiverem sendo baixados, o servidor estará ocupado com aquela tarefa e embora ele possa realizar muitas tarefas simultaneamente, pode chegar uma hora em que ele ficará sobrecarregado.

Imagine que você tenha um arquivo que demora cerca de  minutos para baixar e que esteja sendo baixado por 10 0pessoas ao mesmo tempo. Poderia ser uma catástrofe!

Utilize o Cloudflare

O CloudFlare é um serviço que age criando páginas cacheadas em diversas partes do mundo, o que quer dizer que quando um visitante estiver acessando o seu site, na verdade ele pode estar vendo uma página que tenha sido baixado de um dos servidores do CloudFlare mais próximo a sua casa. O que agiliza todo o processo e evita que seu servidor seja solicitado em boa parte das vezes.

Para saber mais sobre op CloudFlare, clique aqui.

Blog Hackeado

Também existe a possibilidade de o blog tenha sido hackeado e que tenha sido inserido algum tipo de script malicioso que transforma o blog em uma espécie de zumbi, utilizando a conta para realizar ataques a outros sites, envio de spam e etc.

Portanto, se seu blog estiver passando por algum problema de sobrecarregamento sem motivo aparente, verifique ou procure a ajuda de um especialista para encontrar e eliminar o problema.

Escolha uma boa hospedagem

Empresas de hospedagem muitas vezes sobrecarregam o servidor com dezenas ou mesmo centenas de sites para ganhar mais dinheiro ou então utilizam máquinas defasadas, o que pode deixar o blog lento já de cara. Portanto, no hora de escolher uma hospedagem para o seu blog, recomendo que procure recomendações sobre a empresa e que fuja de planos muito baratos.

Uma empresa que eu recomendo é a Hostgator.

Gostou destas dicas? Ainda tem dúvidas ou sugestões? Então deixe um comentário abaixo.

Sobre Celso Lemes

Celso Lemes é Webmaster e Blogueiro profissional. Desenvolvedor do CriarSites.com
Adicionar a favoritos link permanente.

2 Comments

  1. Excelentes dicas, ja sofri muito antes de bater cabeça e descobrir essas coisas

  2. Ótimo post! Estas dicas são realmente úteis.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *